Muita gente não sabe, mas Sistemas de Informação está entre os cursos mais procurados pelos brasileiros.

De Norte a Sul do país são quase 200 mil estudantes matriculados.

O motivo de tanta procura está na alta empregabilidade da área, no grande potencial de inovação e na possibilidade de ganhar muito dinheiro.

Mas será que é fácil conseguir vaga usando as notas do Enem?

A seguir, descubra qual é a nota de corte de Sistemas de Informação e as melhores faculdades onde fazer seu curso!

As notas de corte de Sistemas de Informação

Passar em Sistemas de Informação com a pontuação do Enem pode exigir um esforço maior ou menor, dependendo do seu objetivo.

Tudo pode interferir na nota de corte: o tipo de processo seletivo, a faculdade, a cidade, o turno, a modalidade de ensino e, claro, o desempenho dos demais concorrentes.

Por isso a gente separou as notas de corte de Sistemas de Informação entre os quatro grandes programas de acesso ao ensino superior que usam a nota do Enem.

Vamos lá:

Nota de corte de Sistemas de Informação no Sisu

O Sisu está entre os processos seletivos mais concorridos do Brasil. Não é de se admirar, portanto, que registre as notas de corte mais altas dentre todos os programas que usam a nota do Enem.

Para garantir vaga em Sistemas de Informação numa universidade pública ou num instituto federal de educação o candidato precisa ter, aproximadamente, 655 pontos – isso para entrar numa instituição de concorrência intermediária.

Nas mais disputadas, a nota pode variar de 730 a 780 pontos!

Ainda bem que nem tudo é pedreira. Com notas mais baixas, entre 550 e 600 pontos, muita gente garantiu vaga em edições recentes do Sisu em universidades federais como a do Mato Grosso do Sul (UFMS), a do Semiárido (UFERSA) ou no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina (IFSC) e de Minas Gerais (IFMG).

Para participar de alguma das edições anuais do Sisu, basta ter feito o Enem mais recente e ter tirado nota maior que zero na redação. Duas vezes por ano, o programa recebe milhões de inscritos. São mais de 120 instituições de ensino participantes e mais de 240 mil vagas em cursos de todas as áreas.

Nota de corte de Sistemas de Informação no ProUni

O ProUni distribui, todos os semestres, bolsas de estudos em cursos de todas as áreas. Sistemas de Informação é um deles.

Os aprovados no processo seletivo podem fazer o curso gratuitamente em uma faculdade privada de qualidade.

Também é um processo seletivo bastante concorrido, por isso as notas de corte geralmente são altas – próximas daquelas encontradas no Sisu.

A média para conseguir entrar em Sistemas de Informação é de 620 pontos. As faculdades mais disputadas têm notas que vão de 650 a 700 pontos, aproximadamente, enquanto nas mais tranquilas dá para entrar com 570 a 600 pontos.

O ProUni é um processo seletivo cheio de exigências. Antes de tudo, o candidato precisa ter feito o Enem mais recente e obtido, pelo menos, 450 pontos na média das provas e nota acima de zero na redação. Também é preciso ter feito todo o ensino médio em escola da rede pública e comprovar renda familiar mensal bruta de até três salários mínimos.

Nota de corte de Sistemas de Informação no FIES

O FIES é uma das melhores opções disponíveis para quem busca um financiamento estudantil para fazer Sistemas de Informação.

Com juros baixos e condições facilitadas de pagamento, o programa permite estudar em faculdades privadas de qualidade com a ajuda do governo federal.

As parcelas referentes à dívida só chegam depois da formatura, com taxa de juros bem abaixo do que é praticado no mercado e prazo esticado de pagamento.

Para obter o financiamento em Sistemas de Informação é necessário ter uma nota média de 540 pontos.

Nas faculdades menos concorridas, a nota cai para 455 pontos e nas mais procuradas dificilmente ultrapassa os 680 pontos.

O FIES exige que os participantes tenham feito qualquer edição do Enem a partir de 2010 e se enquadrem em alguns requisitos de desempenho no exame e renda familiar.

Nota de corte de Sistemas de Informação no ingresso direto

Quer entrar na faculdade sem enrolação? O ingresso direto é a modalidade mais indicada.

Basta informar as notas obtidas no Enem para conseguir a vaga quase de imediato.

O sistema é adotado por faculdades privadas de todo o país, pode ser usado em diversos tipos de cursos presenciais e EAD e não faz exigência de renda. Na maioria dos casos, dá para usar qualquer Enem a partir de 2010.

São as próprias faculdades as responsáveis a decidir a pontuação necessária para entrar cada curso, por isso não temos como estabelecer notas de corte mínimas, máximas e médias.

Porém, em quase todos os casos elas são mais baixas que as do Sisu, do ProUni e do FIES.

Sobre o curso de Sistemas de Informação

O curso de Sistemas de Informação é um bacharelado que dura quatro anos.

É bastante popular por aqui, tanto que ocupa a décima posição entre os mais procurados do país, com disponibilidade em mais de 710 instituições de ensino. No modelo EAD, é oferecido por centenas de faculdades.

A graduação ensina a organizar, processar e distribuir dados em diferentes plataformas tecnológicas.

É uma das atividades-chave da nossa era, uma vez que o volume de informações nas redes só cresce. Qualquer tipo de organização que queira se manter competitiva nos próximos anos precisa saber extrair dados estratégicos desse mar informacional.

Isso explica por que a área é tão bem vista no mercado de trabalho.

A seguir, veja onde encontrar as melhores faculdades de Sistemas de Informação!

As melhores faculdades de Sistemas de Informação

Nos processos seletivos do governo federal (Sisu, ProUni e FIES), só podem participar faculdades bem avaliadas pelo Ministério da Educação (MEC).

No ingresso direto, procure ver a nota que o curso e a instituição obtiveram na avaliação do MEC e seu impacto junto ao mercado de trabalho. Isso faz toda diferença.

Abaixo, a gente traz algumas alternativas bem interessantes onde você pode estudar com bolsa do ProUni, financiamento do FIES ou entrar direto com a nota do Enem:

Veja também:

Conheça 7 profissões do futuro que estarão em alta em 2030

 

O que achou das notas de corte de Sistemas de Informação? Dá para encarar? Conte para a gente nos comentários!