Fale com a gente

Como funciona
  1. Busque uma bolsa

    Compare preços e escolha a bolsa de estudos que seja sua cara.


  2. Garanta a bolsa

    Pague a adesão para garantir sua bolsa.


  3. Tamo junto na próxima fase.

    Agora é só fazer o processo seletivo e se matricular na faculdade.


Estudos

Entendendo o Agente da Passiva no Português

3 de novembro de 2023
blocos de letras de madeira espalhados em uma mesa
Imagem do autor
Escrito porLivia Giner

Se você já estudou gramática, deve ter se deparado com o termo “agente da passiva”. Mas o que exatamente isso significa? 

+ Encontre bolsas de estudo de até 80%

O agente da passiva faz parte do estudo das vozes verbais, as quais identificam a relação estabelecida entre o sujeito e o verbo de uma frase. Vamos desvendar esse conceito juntos, tornando-o mais simples e claro!

O que é o agente da passiva?

O agente da passiva é um termo gramatical usado para designar quem executa a ação em uma frase na voz passiva. Em outras palavras, ele indica quem é o “responsável” pela ação que recai sobre o sujeito da sentença. Vamos entender melhor com exemplos.

Exemplo 1:

“O livro foi lido pelo aluno”.

Neste caso, “pelo aluno” é o agente da passiva. A ação de “ler” foi executada pelo aluno, mas o foco da frase é no livro, que recebeu a ação de ser lido.

Exemplo 2:

“A cidade foi destruída pelo tornado”.

Aqui, “pelo tornado” é o agente da passiva. O tornado é quem executou a ação de destruir, enquanto a cidade foi o que sofreu a ação.

Características do Agente da Passiva

Entre as principais características do agente da passiva estão o uso de preposições, a opcionalidade de seu uso na frase e o complemento verbal como função sintática.

Preposição “por” ou suas variações: O agente da passiva geralmente é introduzido pela preposição “por” ou suas variantes, como “pelo”, “pela”, “pelos” e “pelas”, dependendo do gênero e número.

Opcionalidade: Nem todas as frases na voz passiva possuem um agente da passiva explícito. Por exemplo, na frase “A casa foi vendida”, não sabemos por quem a casa foi vendida, ou seja, o agente da passiva está implícito ou omitido.

Função Sintática: Em termos de função sintática, o agente da passiva é um complemento verbal. Ele fornece informações adicionais sobre o verbo na frase.

Leia também:

+ Guia de Estudos para Português

+ Pronomes: veja o que são, tipos e exercícios

+ Classe Gramatical e Função Sintática: aprenda as diferenças!

imagem de uma mão escrevendo em um papel com uma caneta

A Estrutura da Voz Passiva

A voz passiva é um dos aspectos gramaticais mais intrigantes do português, pois ela inverte a relação comum entre o sujeito e a ação em uma frase. Vamos aprofundar um pouco mais sobre sua estrutura.

Componentes Principais

  • Verbo auxiliar: A voz passiva analítica usa os verbos “ser” ou “estar” como auxiliares, dependendo do tempo e do aspecto verbal.
  • Verbo principal: O verbo principal da frase é colocado no particípio. Em “O livro foi lido”, por exemplo, “lido” é o particípio do verbo “ler”.
  • Agente da passiva: Como já discutimos, é o “executor” da ação. Ele geralmente é introduzido pelas preposições “por” ou “pelo(a)”.

Formação

Voz passiva analítica:

A voz passiva analítica é uma forma verbal composta geralmente pelo uso do verbo auxiliar “ser” ou “estar”. 

Por exemplo:

“O bolo foi feito pelo confeiteiro”.

Nesse caso, “pelo confeiteiro” é o agente da passiva, o responsável pela ação.

Voz passiva sintética:

Menos comum em nossa língua, essa estrutura geralmente utiliza o pronome “se”. 

Exemplo:

“Vendem-se bolos”.

Nesse formato, o agente da passiva fica implícito, ou seja, não sabemos quem os vende.

Transformação de voz ativa para passiva

É possível transformar uma frase da voz ativa para a passiva. A transformação envolve colocar o objeto direto da voz ativa como sujeito da voz passiva, e o sujeito da ativa torna-se o agente da passiva. Veja a seguir.

Voz ativa: O confeiteiro fez o bolo.

Voz passiva analítica: O bolo foi feito pelo confeiteiro.

Veja mais:

+ Inversão da Ordem dos Termos numa Oração

+ Verbo de Ligação: o que é, características e exemplos

+ Entendendo a Fake News na Redação do Enem

O Papel do Agente da Passiva

O agente da passiva é, basicamente, o “ator” da ação na frase. Ele faz algo, mas não é o foco principal da sentença. Em “O livro foi lido pelo aluno”, por exemplo, “pelo aluno” é nosso agente da passiva.

Além disso, enquanto o agente da passiva realiza a ação, o paciente a recebe. Usando nosso exemplo anterior, “o livro” é o paciente, pois foi lido.

Identificando o Agente da Passiva em Frases

Procurar preposições como “por” ou “pelo(a)” pode ajudar. Geralmente, o que vem após essas preposições é o agente da passiva.

Exercícios e exemplos:

  1. “A música foi cantada pela banda.” Quem é o agente da passiva aqui? Se você disse “pela banda”, acertou!
  2. “Comem-se muitos doces na festa.” E agora? Esse é mais difícil, pois o agente está implícito!

Agente da Passiva no Enem

No Enem, entender sobre voz passiva e o papel do agente da passiva é essencial. Ele pode aparecer em questões de gramática e te ajudar a elaborar uma redação mais rica.

Portanto, não subestime a gramática e pratique regularmente exercícios e leituras. Quanto mais você se familiarizar com a estrutura das frases, mais fácil se torna identificar o agente da passiva.

Facul sem treta? É aqui mesmo!
Facul sem treta? É aqui mesmo!

Estude nas melhores sem sair de casa

As melhores faculdades com ofertas super especiais para você começar a estudar sem sair de casa.